13 coisas para fazer quando não surgem ideias para escrever

Ir em baixo

13 coisas para fazer quando não surgem ideias para escrever Empty 13 coisas para fazer quando não surgem ideias para escrever

Mensagem por Selina em Qua Jun 10, 2009 5:12 am


Este é seguramente um dos tópicos que mais problemas causa aos blogueiros que participam regularmente da blogosfera e da sua actualização diária. Recentemente escrevi um artigo com 7 dicas para combater o bloqueio de ideias e hoje gostaria de o complementar com ideias práticas e formas directas de o ajudar quando não lhe surgem ideias para escrever.

Embora existam muitas estratégias indirectas, a verdade é quando o bloqueio de ideias surge é imprescindível saber o que fazer e como lidar com ele. É isso que lhe pretendo ensinar, partindo do princípio de que é importante para si manter-se criativo e actualizar o seu blog com uma regularidade elevada.


1. PROCURE INSPIRAÇÃO NOS OUTROS

Muitas vezes existem conteúdos ao seu redor capazes de o ajudar a evitar o bloqueio de ideias, no entanto, você continua a sentir dificuldade em escrever e em transmitir novas ideias. Um dos meus artigos mais recentes, com uma lista de 29 sistemas de afiliados do Brasil, além de já ter feito grande sucesso, irá seguramente tornar-se numa referência aqui dentro do blog. Mas, fique sabendo que este artigo surgiu de uma compilação de vários programas e ideias que outros bloggers e utilizadores de fóruns foram escrevendo. Investiguei, procurei em fóruns e blogs por sistemas de afiliação do Brasil, revisitei os meus programas favoritos, e no fim compilei uma listagem super completa, que é seguramente uma mais-valia para todos.

2. MANTENHA-SE EM ESTADO DE ALERTA

Hoje em dia na internet é possível estar em regime de alerta e fazer com que a informação venha ter consigo, sem que seja necessário procurar por ela. Aconselho-o a ler este artigo sobre como encontrar e escrever conteúdo novo para o seu blog, que inclui algumas das dicas mais interessantes para colocar o Google, o Yahoo, O Technorati e outros serviços a trabalhar para si.
Se por ventura tem um blog num nicho específico, que recebe uma grande quantidade de actualizações diárias, talvez seja interessante manter-se em estado de alerta.

3. PERGUNTAS E RESPOSTAS

Tenho visto com alguma regularidade blogueiros que semanalmente abrem artigos de perguntas aos seus leitores, sendo que mais tarde lançam um segundo artigo com a compilação das perguntas e respostas. Esta é uma técnica que o poderá ajudar a combater a falta de ideias, ao mesmo tempo que se traduz em 1 ou 2 artigos interactivos para o seu blog. Ainda assim poderá utilizar as perguntas de diversas formas:

crie um artigo com as perguntas e respostas de todos os leitores;
procure dividir as perguntas e respostas por assuntos/temáticas;
desenvolva algumas das perguntas em artigos mais complexos;
compile uma lista de recursos e opções relacionados com as perguntas;
etc.
4. DIVIDA O ASSUNTO EM PARTES

Já se sabe que as listas de artigos funcionam bem, no entanto, o que também funciona muito bem são as compilações de artigos por partes. Não há muito tempo escrevi uma série de artigos sobre como aumentar o seu tráfego, que incluia a Parte I, Parte II, Parte III, Parte IV e Parte V. Embora eu pudesse ter feito um único artigo de grande dimensão e extremamente completo, tornou-se bastante mais rentável escrever 5 artigos divididos por partes. Existem várias vantagens em fazer isto, vejamos:

o leitor fica interessado em conhecer as próximas partes;
ao invés de escrever e publicar 1 artigo, publica vários;
a quantidade de informação no seu global é maior;
a possibilidade de aprofundar mais a matéria por artigo é maior;
o número de indexações e volume de tráfego é maior;
etc.
Se tem um assunto que pode ser dividido em várias partes, faça-o.

5. A HORA CERTA PARA ESCREVER

Já falei inúmeras vezes que é importante que você procure trabalhar nas horas em que é realmente mais produtivo. Se por ventura de manhã a qualidade dos seus artigos e a fluidez com que escreve é maior, então procure escrever sempre e somente da parte da manhã. Se tentar contrariar essa rotina, é provavelmente que fora desse horário se sinta bloqueado em termos de ideias, ou dê azo a maiores distracções que o rodeiam.

6. PROCURE AJUDA EXTERNA

Também já referi inúmeras vezes, que a ajuda externa ao seu blog pode ser extremamente importante. Aprender a conhecer as qualidades e vantagens dos guest-posts é meio caminho andado para conseguir ter matérias no seu blog que o ajudem a complementar a sua própria escrita. Existem também algumas lições que poderá aprender com os seus concorrentes, e que o poderão ajudar a dissolver o problema de falta de ideias.
Ainda assim e partindo do princípio de que existe a possibilidade de recorrer a pessoas e autores externos para o ajudar com a falta de ideias, equacione algumas destas opções viáveis:

procure um autor capaz de lhe escrever um guest-posts de qualidade;
entreviste alguém que tenha impacto no seu nicho, como eu fiz com o Leo Babauta;
pergunte a um conhecido, familiar, amigo, concorrente ou blogger, se tem alguma ideia;
analise o que os outros estão a escrever e procure uma notícia do dia;
simplesmente não escreva.
7. PROCURAR IDEIAS NA INTERNET

Hoje em dia é tão fácil encontrar ideias sobre o que escrever, que por vezes penso que alguns blogueiros simplesmente não se dão ao trabalho de procurar devidamente por elas.
Ao navegar na internet é relativamente fácil encontrar ideias em muitos pontos comuns ao seu próprio blog. Alguns locais que eu visito regularmente para me inspirar incluem:

Redes de Microblogging
O Twitter, o Plurk ou o Jaiku são excelentes fontes de ideias, especialmente se fizer perguntas aos seus seguidores. Ainda que não as faça, estas redes de microblogging estão geralmente cheias de links e conteúdos interessantes que poderá ler e onde rapidamente encontrará uma ideia ou inspiração;
Redes Sociais e Agregadores de Notícias
Estes são os espaços do conteúdo por excelência. Procuro com regularidade manter-me atento ao que vai surgindo no Dihitt e em outros agregadores de notícias. Praticamente todos os dias são escritos conteúdos de grande interesse e que poderão servir ou de inspiração, ou de ideia para um artigo crítico e/ou mais completo.
Forums e Grupos de Discussão
Participar em fórums de discussão é essencial para todos aqueles que procuram matéria de qualidade e assuntos mais técnicos. Eu participo em diversos fórums de webmasters e mais recentemente na BlogLista, uma iniciativa do colega e amigo Daniel Becher e Janio Sarmento.
Outros blogs
É com naturalidade que subscrevo diversos blogs, dentro e fora do meu nicho de mercado. Além de ler muitos conteúdos do Brasil e de Portugal, leio também regularmente os ‘grandes’ blogueiros mundiais, que regra geral têm sempre informação interessante para partilhar.
8. OUTRAS FORMAS DE GERAR IDEIAS



Ideias, ideias e mais ideias. Na blogosfera e na internet em geral existem ideias em praticamente todo o lado. Ainda que os 7 pontos anteriores não o estejam a ajudar a atingir uma maior criatividade, ficam aqui mais algumas ideias interessantes para você colocar em prática:

utilize os comentários do seu blog como o princípio de uma ideia;
utilize as perguntas e dúvidas dos seus leitores para criar uma listagem de recursos e/ou um tutorial sobre como executar ou resolver um problema que é comum a todos eles;
utilize os emails que recebe como ponto de partida para um debate;
crie e utilize as votações na sidebar do seu blog, para criar alguns estudos interessantes;
escreva um artigo com o seu dia-a-dia, como eu fiz comigo mesmo;
faça videoposts a explicar como executar algo, ou simplesmente consigo a falar directamente para os seus leitores;
crie alguns podcasts próprios e procure encontrar outros blogueiros interessados em participar da iniciativa;
etc.
9. UTILIZAR ARTIGOS DO PASSADO

Há medida que o seu blog vai crescendo e o tempo vai passando, os arquivos tendem a aumentar. O número de artigos vai-se acumulando, e muitas vezes existem pequenos artigos que nunca chegaram a vislumbrar o sucesso, simplesmente porque estavam incompletos. Embora não seja razoável escrever sempre sobre os mesmos assuntos, poderá ser muito interessante readaptar uma ideia que teve há cerca de 6 meses ou 12 meses atrás, e torná-la em algo único e recorrente.
O exercício que necessita fazer depreende o seguinte:

procure um artigo que tenha alguns meses de vida e que esteja incompleto;
analise bem os seus primeiros assuntos abordados e procure falhas para preencher;
procure artigos que ficaram esquecidos e que poderiam ser uma mais-valia para os seus novos leitores;
procure temas pouco desenvolvidos ou simplesmente ideias, a partir dos seus arquivos;
Outra coisa que seria importante fazer em alguns casos, seria optimizar os seus artigos mais populares, uma vez que eles são completos e recebem grandes quantidades de tráfego, mas por vezes um simples ajuste poderá significar mais alguns milhares de visitantes por dia.

10. FAÇA COMPARAÇÕES

Muitas vezes existem na sociedade e em outras áreas, exemplos práticos de pessoas e marcas que poderão servir de exemplo a outros tipos de modelos. Recentemente e a título de exemplo, escrevi em artigo com 10 lições que os blogueiros podem aprender com a Apple e Steve Jobs. Embora a Apple e Steve Jobs estejam numa área completamente distinta do blogging, eles têm muitos pontos em comum.

11. DISTRACÇÕES ZERO

O que geralmente leva um blogueiro a afastar-se das suas ideias são as distracções. Como já referi em diversos artigos aqui no blog, é imprescindível que procure eliminar essas mesmas distracções, sejam elas o Email, o MSN, a Televisão ou qualquer outra coisa. Uma das ferramentas mais interessantes de utilizar e que o ajuda a combater esses problemas, é o DarkRoom, um editor de texto que cria uma sala de escrita em janela completa, que desliga todas as sonoridades exteriores, e que foca-se exclusivamente na produção de conteúdo.

12. FAÇA MUITAS PERGUNTAS

As perguntas e respostas são um dos jogos mais criativos existentes para bloggers. Ao fazer uma pergunta você já se está a estimular e a criar uma ideia. Ao receber uma resposta você consegue montar o puzzle e utilizá-lo a ser favor. Eis algumas das formas que poderá utilizar para fazer perguntas:

faça perguntas a si próprio e procure as respostas;
peça aos seus leitores para lhe fazerem perguntas;
reuna uma série de bloggers e faça-lhes perguntas idênticas;
faça perguntas aos seus seguidores no Twitter e no Plurk;
analise as questões colocadas pelos seus leitores nos comentários e/ou email;
leia os comentários de outros blogs e fórums, e procure perguntas;
procure iniciantes e perceba quais são as suas dúvidas iniciais;
analise as questões que os seus leitores procuram nos motores de busca para o encontrarem;
faça perguntas à sua família e amigos;
etc.
Ao fazer perguntas, é natural que obtenha respostas. Depois é uma questão de filtrar aquilo que pode ser importante e interessante, e aquilo que é lixo e desajustado. O jogo das perguntas funciona muito bem e geralmente serve de ponto de partida para bons debates e artigos.

13. PROCURE UM NOVO LOCAL DE INSPIRAÇÃO

Algo que muitas vezes traz insucesso é a rotina. Sempre o mesmo local, a mesma secretária, o mesmo computador, o mesmo ambiente. Mudar de ares muitas vezes ajuda ao desbloqueio da criatividade e à criação de uma nova motivação de trabalho. Procure um café, um centro comercial, um open-space, enfim, um qualquer local que tenha um espaço agradável e de preferência com WiFi, que provavelmente irá necessitar.


Estas são apenas algumas ideias para quebrar o gelo. Agora é consigo!

Paulo Faustino
Selina
Selina
Admin
Admin

Feminino
Número de Mensagens : 119
Idade : 36
Emprego/lazer : Estudante, escritora
Humor : Feliz
Email : selina307@gmail.com
Data de inscrição : 10/09/2008

https://umaquestaodepalavras.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum